Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
organizacao de estoque

Organização de Estoque: como fazer e diminuir desperdícios?

Em empresas de qualquer segmento, um dos principais objetivos é sempre de atender as demandas do mercado, realizar vendas e obter lucro.

Para atender essa demanda, existe uma atividade que é fundamental no sucesso do negócio: organização de estoque.

Isso acontece porque todos as variáveis referentes a venda dos produtos e serviços devem ser considerados e é importante saber exatamente:

  • Quantidade de produtos disponíveis;
  • onde estão disponibilizados os materiais;
  • lotes;
  • datas de validade.

Entre diversas outras informações, todas essenciais para a tomada de decisões do negócio.

Contudo, com a correria do dia a dia, muitas organizações acabam não conseguindo dar conta de manter o estoque em ordem.

E o resultado disso acaba sendo a falta de controle dos produtos e até mesmo perdas devido a gastos desnecessários.

Então, se você quer garantir a organização de estoque na sua empresa e evitar perdas importantes para seu negócio, continue lendo.

O que é a organização de estoque?

De forma geral, a organização de estoques é um modelo de gestão que permite uma empresa de gerenciar o volume de produtos que ela possui disponível para garantir que as demandas dos clientes sejam atendidas e o negócio funcione.

Para que ela ocorra, é necessário que você saiba exatamente como deve armazenar os produtos e controlar as entradas e saídas de estoque.

Assim, equilibrando todo o ciclo da mercadoria através de informações e planejamento, como categorização de produtos, projeção de vendas, sazonalidade, etc.

Independentemente de qual o segmento em que o negócio atua, a organização de estoques é fundamental para que operações sejam eficientes e otimizadas.

Além de garantir que os processos estarão alinhados com todos os objetivos e estratégias da empresa.

Quais os principais benefícios da organização de estoque?

benefícios da organização de estoque
Foto de Tiger Lily no Pexels

Os benefícios da utilização da organização de estoques vão da melhoria na execução de atividades no dia a dia aos resultados obtidos.

Os principais são:

Redução de custos

Com o gerenciamento dos estoques é possível diminuir os desperdícios de produtos já que dificulta a perda das mercadorias.

Além de permitir que as compras de materiais sejam sempre realizadas na hora certa, colaborando no orçamento do negócio.

Planejamento preciso de compras

O controle realizado nos estoques permite que os planejamentos de compra sejam feitos no momento exato da reposição, fazendo assim com que vendas não sejam perdidas nem os estoques fiquem sobrecarregados com muitos materiais.

Aumento da produtividade

A gestão de estoques permite que os colaboradores tenham um acesso facilitado as informações sobre produtos, além de permitir a automatização de algumas atividades e reduzir o retrabalho.

Melhor relacionamento com os clientes

Receber pedidos certos e dentro dos prazos prometidos ajuda a garantir uma melhor percepção da empresa por parte do cliente, e a gestão de estoques facilita esse processo já que vai facilitar esse atendimento de diversas formas.

Tomada de decisão estratégica

Conhecer a situação real do estoque existente na empresa pode auxiliar em diversas tomadas de decisões referentes aos produtos, como onde reduzir produção, onde investir esforços comerciais para vendas, etc.

5 passos para fazer a organização de estoque na sua empresa?

Agora que você conheceu um pouco mais sobre o funcionamento e importância da gestão de estoques, preparamos um passo a passo para que você possa aplicar a metodologia em sua empresa.

Acompanhe!

1. Organize seus produtos e realize um inventário

estoque organizado
Foto de Tiger Lily no Pexels

Muitas empresas que possuem estoques tem uma grande quantidade de itens armazenados, mas nem sempre eles estão organizados como deveriam. 

Essa falta de organização pode acabar dificultando o trabalho da equipe para encontrar produtos e atender os clientes, podendo causar até mesmo a insatisfação dos clientes e prejuízos para a empresa.

Pensando nisso, para realizar sua organização de estoques o primeiro passo que deve ser seguido é o de ordenar os produtos armazenados de forma padronizada.

Além disso, todos eles devem ser elencados, criando assim um inventário de estoque que deve ser atualizado constantemente, de acordo com cada uma das entradas e saídas do seu estoque.

2. Acompanhe seu estoque e estabeleça indicadores

Para controlar o seu estoque é necessário que você possua acompanhamentos que devem ser atualizados com frequência.

De forma a garantir a sua empresa uma visualização específica de quantidade física de produto existente assim como os valores financeiros deles.

Assim, permitindo que os produtos sejam repostos sempre que atingirem o limite mínimo em estoque e evitando que eles faltem.

Esses controles devem ser realizados com base em indicadores e levar em conta os números e dados coletados.

A partir deles será possível conhecer melhor os produtos existentes, suas validades, o giro dos itens em estoque, etc., facilitando assim a tomada de decisões para a realização de novos pedidos.

3. Treine sua equipe

equipe treinando
Foto de Fox no Pexels

Se seus produtos serão organizados de forma padronizada, é importante que os colaboradores conheçam as técnicas para mantê-los assim.

Para isso, é ideal que ocorram treinamentos que expliquem todas as nomenclaturas utilizadas nos produtos ou regras criadas sobre os locais de armazenamento e as peculiaridades de cada material.

Otimizando assim o tempo que cada um dos colaboradores irá utilizar no dia a dia e aumentando a produtividade.

Também, caso você utilize softwares de gestão que precisam ser atualizados, também é importante garantir que todos os funcionários sejam capacitados para utilizá-los.

4. Busque bons fornecedores

Em qualquer negócio os fornecedores representam um dos papéis mais importantes, e qualquer escolha negativa pode afetar seus resultados.

De forma geral, sabemos que a gestão de estoques é diretamente ligada a eles já que ela depende do recebimento de mercadorias, e qualquer problema relacionado a isso, como atrasos, podem trazer prejuízos.

Para minimizá-los, ter boas parcerias e manter relacionamentos amigáveis pode ser uma ótima ação.

5. Invista em tecnologia

Na gestão de estoques existem inúmeros softwares e sistemas que podem agilizar os processos dentro da sua empresa.

Para saber qual aplicar é importante entender bem as suas necessidades, e separamos dois tipos para você conhecer:

ERP

Sistema de Gestão Empresarial que pode integrar diversas áreas da empresa com a gestão de estoque.

Permitindo que sejam realizadas análises de pedidos e vendas, geração de relatórios e controles de movimentações em geral, além da geração de indicadores.

SRM

O Supplier Relationship Management atua na comunicação entre cliente e fornecedor, ajudando assim no relacionamento.

Além disso, simplifica os processos permitindo acesso a orçamentos, históricos de pedidos em geral, acompanhamento de experiências com os fornecedores, etc.

Seu ponto principal é ajudar na tomada de decisão.

Conclusão

Agora que você já sabe como a organização de estoques pode contribuir com sua empresa, aumentar a produtividade do time, integrar diversas áreas e auxiliar nos resultados, faça uma análise na sua empresa e veja como implementar essa ferramenta irá te ajudar!

Achou esse conteúdo interessante? Continue nos acompanhando para conhecer diversos outros.

COMPARTILHE ESSE POST

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Se inscreva na nossa newsletter

Fique por dentro dos melhores e mais atualizados conteúdos sobre gestão e leve sua empresa para um novo patamar. É simples, digite seu nome e e-mail abaixo: